27 de novembro de 2013

Mais um ato contra o aumento da mensalidade: a estudantada não aguenta mais um golpe!

27/11/2013 - Nem a chuva insistente que caiu durante todo o dia e a noite espantou os estudantes da Univap, que realizaram mais um ato contra o aumento da mensalidade nesta terça-feira, dia 26.

A estudantada levou cartazes, faixas e instrumentos musicais para a frente do portão principal de acesso do campus Urbanova e voltou a conversar com os que chegavam para as provas sobre o aumento abusivo das mensalidades e a falta de uma política de inclusão e permanência estudantil na universidade, dita filantrópica.

Era evidente o apoio recebido pelo movimento, com acenos, buzinas, além dos que se juntaram ao ato.
Infelizmente, a notícia que se confirmou ontem foi que os boletos já vieram com o aumento anunciado de 6%, impulsionando mais um ciclo de golpes contra as condições dos alunos.

Após o ato, os estudantes decidiram organizar um seminário para acumular forças e debater os rumos do movimento, no próximo dia 10 de dezembro (a primeira terça-feira após as provas) no campus Urbanova. Nesta oportunidade serão debatidas também as próximas ações do grupo e do coletivo de estudantes da Faculdade de Educação e Artes.

Será um espaço plural e democrático e todos aqueles que estiverem dispostos a contribuir com o movimento estão convidados (as) a participar!

Este ano, o recado foi claro: a estudantada não aguenta mais um golpe! Este ano é aumento zero! Estamos apenas começando! Avante lutadores!

Edgar Fogaça, da Juventude do PSTU