12 de agosto de 2016

16 de agosto é dia nacional de luta contra os ataques e as reformas do governo Temer

12/8/2016 - O próximo dia 16 de agosto será o Dia Nacional de Mobilizações convocado pelas centrais sindicais contra o desemprego, a inflação e as reformas da Previdência e Trabalhista que o governo Temer está preparando. O PSTU participará deste dia de luta.

Os trabalhadores brasileiros vêm sofrendo sérios ataques aos seus direitos, salários e emprego. Temer quer aplicar e aprofundar projetos que Dilma não conseguiu. São projetos que recebem o apoio do Congresso Nacional, de empresários, banqueiros e do agronegócio. Esta é a forma que encontraram para tirar o peso da crise econômica das costas deles e jogar sobre os trabalhadores. Basta olhar para o desemprego que já atinge 12 milhões de pessoas no país.

Para derrotar projetos como a reforma Trabalhista, a terceirização, as privatizações, a reforma da Previdência e outras medidas como o PLP 257 e a PEC 241, a unidade na luta é urgente.

Em Assembleia Nacional dos Trabalhadores por Emprego e Garantias de Direitos, realizada no dia 27 de julho, em São Paulo, a CSP-Conlutas, representada pelo membro da Secretaria Executiva Nacional Atnágoras Lopes, defendeu a unidade de ação para enfrentar os ataques do governo Temer contra os trabalhadores e  a necessidade de unificar as lutas, as campanhas salariais e construir uma Greve Geral.

“Por que de um lado é o interesse da nossa classe, do outro é o interesse da patronal, da burguesia e do imperialismo. (…) que o dia 16 seja um grande ponto de apoio para a construção de uma grande greve geral neste país para enfrentar e botar abaixo todo e qualquer governo que ataque nossos direitos”, ressaltou.

Nesta assembleia, as centrais sindicais CSP-Conlutas, CUT, Força Sindical, UGT,CTB, Nova Central, CSB e CGTB definiram a data 16 de agosto como o Dia Nacional de Mobilização e Luta pelo Emprego e pela Garantia de Direitos.

Diversas mobilizações ocorrerão em todo o país. Em São Paulo, um ato em unidade acontecerá em frente à Fiesp, na Avenida Paulista, a partir das 10h.

Caravana de São José dos Campos
Trabalhadores da região programam a realização de mobilizações neste dia 16. Metalúrgicos, por exemplo, planejam assembleias e paralisações.

Além da mobilização nas fábricas pela manhã, uma caravana sairá de São José dos Campos para participar do ato em São Paulo.  Os ônibus vão sair às 7h30, da sede do Sindicato. As inscrições devem ser feitas pelos telefones 3946-5311 ou 99158-9058.

O PSTU vai colocar a sua militância para construir um forte dia de luta. Em unidade com as centrais sindicais é preciso avançar rumo à construção de uma Greve Geral, pois só assim poderemos derrotar as reformas que Temer que impor.

Fora Temer! Fora Todos Eles! Eleições Gerais com novas regras já! Por um governo socialista dos trabalhadores, baseado em Conselhos Populares!

Com informações site CSP-Conlutas