11 de agosto de 2014

Seminário Nacional do MML acontece dias 16 e 17


11/8/2014 -Nos próximos dias 16 e 17 de agosto acontece, em São Paulo, o Seminário Nacional do Movimento Mulheres em Luta (MML). O evento reunirá representantes da direção do movimento, bem como representantes de sindicatos e ativistas que levam adiante as bandeiras do movimento classista de mulheres, e será um momento importante para discutir as lutas que estão por vir.

Muita coisa mudou desde o último encontro do MML, que reuniu mais de duas mil mulheres, em setembro do ano passado. Além das grandes manifestações que tomaram as ruas de várias cidades, desde então milhares de trabalhadores foram à luta por melhores salários e direitos, em greves que pararam importantes categorias do país.

As mulheres foram protagonistas nessas mobilizações, assumindo papel de destaque nos protestos e de liderança nas greves, como em metroviários do Rio de Janeiro e de São Paulo. O MML também esteve presente e foi parte atuante nessas lutas.

A Campanha de Combate à Violência Contra Mulher, uma das principais tarefas definidas no Encontro de 2013, ganhou as ruas de várias cidades do país no 8 de março, dia internacional de luta da mulher trabalhadora, e no 25 de novembro, dia internacional de não-violência contra a mulher.

Em São Paulo, uma das iniciativas de destaque foi a campanha “Não me encoxa, que eu te furo!”, que distribuiu alfinetes às usuárias do Metrô, alertando para os centenas de casos de estupro e agressão machista ocorridos nos meios de transporte lotados da capital. Em São José dos Campos, a campanha contou com atos no bairro Galo Branco e na Praça Afonso Pena.

Além de definir os próximos passos da Campanha Nacional de Combate contra Violência à Mulher, o Seminário vai votar o estatuto do MML.

Uma delegação de São José dos Campos estará presente. Quem quiser participar, ainda dá tempo. Basta entrar em contato com a CSP-Conlutas Vale do Paraíba, pelo telefone 3911-4458.