25 de agosto de 2014

Intelectuais assinam manifesto em apoio à candidatura de Toninho



25/8/2014 - Professores universitários divulgaram neste fim de semana um manifesto público em apoio à candidatura de Toninho a deputado federal. No documento, os intelectuais ressaltam a postura de Toninho como defensor da universidade pública e uma combativa liderança sindical e dos movimentos populares.

Dentre os professores que assinam o documento estão trabalhadores da USP, como Vladimir Safatle, que realizam uma greve desde maio contra o corte de recursos que financiam a universidade e o plano de demissões imposto pelo governo Alckmin (PSDB).

Este é mais um importante apoio na construção de uma campanha voltada para as lutas e para a defesa dos interesses dos trabalhadores e do povo pobre. Leia e divulgue: http://www.ipetitions.com/petition/Toninho1616


Professores e intelectuais apoiam a candidatura de TONINHO (1616)

Em 2014, as graves contradições políticas e sociais reveladas pelas manifestações de junho do ano precedente estão assumindo feições cada vez mais agudas. A repressão aos movimentos sociais tornou-se mais intensa, as prisões arbitrárias se sucederam e a criminalização de ativistas revelou os limites da democracia brasileira. Nas universidades estaduais paulistas as investidas privatizantes tornaram-se explícitas. Reitores propagandeiam planos de demissões, cortes de recursos, congelamento de salários e cobranças de mensalidades. Um estado de emergência torna-se evidente.

As manifestações que ocorreram ao longo do ano e a greve da comunidade universitária deixaram claro que novas forças políticas e sociais continuam também a emergir. A constituição da Frente de Esquerda em São Paulo dão um novo sentido a essa emergência.

Aliado de primeira hora da universidade pública e dos movimentos sociais, TONINHO (1616) esteve presente nas mais importantes lutas travadas nos últimos anos. Foi protagonista na resistência dos moradores do Pinheirinho em São José dos Campos, esteve à frente das lutas contra as demissões na indústria automobilística e participou ativamente das jornadas de junho. Nas universidades paulistas TONINHO apoiou nossas greves, debateu com professores, estudantes e trabalhadores administrativos os rumos da universidade e enfrentou os governos de plantão em nome dos autênticos princípios democráticos que ainda perseveram na universidade paulista.

Por meio desse abaixo-assinado, vimos publicamente manifestar nosso apoio à candidatura de TONINHO a deputado federal por São Paulo. Reconhecermos nele um defensor do projeto de universidade pública, autônoma e democrática, uma das mais combativas lideranças sindicais do estado e um incansável ativista dos movimentos populares.

Primeiros signatários:
Beatriz Abramides (professora PUCSP)
Boris Vargaftig (professor USP)
Henrique Carneiro (professor USP)
Ruy Braga (professor USP)
Vladimir Safatle (professor USP)