11 de abril de 2014

Em Campanha Salarial, servidores municipais de Jacareí e do SAAE estão em estado de greve

11/4/2014 - Os servidores municipais de Jacareí e do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) estão em estado de greve diante do impasse nas negociações da Campanha Salarial. A mobilização foi aprovada em assembleia, na última terça-feira, dia 8.

Segundo os sindicatos dos Servidores Públicos Municipais de Jacareí (STPMJ) e do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SindSAAE), a mobilização é um protesto contra a proposta de reajuste salarial de 6,75%, prevista no projeto de lei enviado pelo prefeito Hamilton Mota (PT) à Câmara.

Clima entre trabalhadores é de indignação e revolta
Os vereadores aumentaram os próprios salários em 58,5% e o IPTU teve reajustes de até 170% este ano na cidade. Mas quando se trata de negociar com os trabalhadores, a postura do governo petista e de seus aliados é de intransigência e desrespeito.

O PSTU esteve presente na recente greve da Guarda Civil e apoia a atual mobilização dos servidores públicos, pois defendemos os direitos dos trabalhadores e a qualidade do serviço público.

Temos de seguir o exemplo dos garis do Rio de Janeiro que atropelaram a Prefeitura e a empresa de lixo e arrancaram uma enorme vitória!”, disse o presidente do PSTU de Jacareí e diretor do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação, Valter dos Santos, o Patury.